Queen of Puddings – Uma sobremesa real

É sempre bom sair da nossa zona de conforto, seja em que área for. Os desafios, com as suas dificuldades inerentes, fazem-nos crescer, ficar mais fortes e seguros, prontos a enfrentar um Mundo cada vez mais exigente. Não quero com isto dizer que devamos ser perfeitos – longe disso. Penso sim que devemos dar o melhor de nós próprios, sem comprometer os nossos ideais.

IMG_0195IMG_0232

Assim que vi o desafio lançado pela Lia do Lemon & Vanilla soube que teria de participar. O objetivo do Sweet World  é fazer um doce/bolo mundialmente famoso, proposto pela Lia ou pela Susana do Basta Cheio. E agora que escrevo apercebi-me do enorme paralelismo entre este desafio e a minha vida nestes últimos dois meses. 2016 tem sido um ano de emoções fortes, situações novas, algumas esperadas e outras inesperadas. Porque a vida é mesmo isso, não corre sempre da forma que esperamos. Mas é assim que parte da magia acontece, que a nossa força se revela, que nos surpreendemos a nós próprios e que nos tornamos um ser humano melhor, mais feliz e realizado.

O primeiro desafio proposto foi o Queen of Puddings, um pudim tipicamente britânico, caracterizado pelas suas três camadas, uma de custard, outra de doce e, o grandioso final, uma de merengue.

IMG_0202IMG_0236IMG_0218

Queen of Puddings (receita partilhada pela Lia do Lemon & Vanilla, adaptação da receita da Mary Berry)
Ingredientes:
Para a base:
  • 600ml leite gordo
  • 25g manteiga + extra para untar um recipiente refractário
  • raspa de 1 limão
  • 50g açúcar refinado branco
  • 3 gemas de ovo
  • 75g pão ralado feito a partir de pão fresco (fiz na 123)
  • 6 colheres sopa de doce de morango (ou outro a gosto)
Para o suspiro:
  • 3 claras de ovo
  • 175g açúcar refinado branco
Preparação
  1. Untar com manteiga, um recipiente refractário ou Pirex baixo, com capacidade para 1.5l. Aquecer o forno a 170ºC.
  2. Num tachinho, aquecer o leite, até este estar morno. Adicionar a manteiga, a raspa do limão e o açúcar e mexer até este estar dissolvido.
  3. Numa taça grande, bater ligeiramente as gemas de ovo. Pouco a pouco, e mexendo sempre, adicionar o leite em fio, a fim de que tudo fique muito bem incorporado.
  4. Polvilhar o fundo do recipiente refractário untado com o pão ralado. Deitar a mistura do leite e gemas sobre o pão ralado e deixar por 15 minutos, para que o pão absorva o líquido.
  5. Colocar o recipiente refractário num tabuleiro de lados altos e encher o tabuleiro com água quente, até esta chegar até meio da altura do recipiente refractário (banho Maria). Levar ao forno por 25 a 30 minutos, ou até o custard estar firme.
  6. Retirar tudo do forno e colocar o custard sobre uma grelha de arrefecimento, enquanto se prepara o suspiro. Descartar a água e o tabuleiro onde se levou a água ao forno.
  7. Reduzir a temperatura do forno para os 150 °C.
  8. Para fazer o suspiro, bater as claras em castelo firme. Batendo sempre, adicionar o açúcar, uma colher de chá de cada vez. Bater, até todo o açúcar haver sido incorporado e a mistura estar espessa e brilhante.
  9. Muito delicadamente, espalhar o doce de morango sobre o custard. Decorar a superfície do doce com o suspiro e levar o recipiente refractário ao forno por mais 25 a 30 minutos (sem o tabuleiro da água por baixo), ou até o suspiro estar “crocante” ao toque e douradinho.
  10. Servir morno ou à temperatura ambiente (quente pode ser um pouco enjoativo).

IMG_0235

Gostei imenso de participar neste desafio. Foi de facto enriquecedor fazer uma coisa nova, diferente e nada habitual. Espero ansiosamente pelas próximas propostas do Sweet World!

Ana ❤

Advertisements

4 thoughts on “Queen of Puddings – Uma sobremesa real

  1. Olá Ana,
    Muito obrigada por participares e, ainda que atrasada, eu e a Susana abrimos uma excepção por ser o primeiro desafio e decidimos aceitar e incluir este lindo Queen no round up, pois não será justo para com os demais participantes aceitarmos participações fora do prazo, como deves compreender…
    Ficou lindo o teu Queen e fico muito feliz que tenhas gostado do desafio e se queres um novo desafio em que pensar, passa no blogue da Susana, pois já lá está lançado o segundo de muitos que virão :)).
    Um grande beijinhos e espero que o paralelismo e todas as emoções e altos e baixos, sejam pela positiva.
    Lia

    Gostar

    1. Olá! 🙂
      E mesmo assim não será justo para com os outros participantes! Se não ficar no round up não fico chateada de qualquer forma! 🙂
      Sim, já vi o segundo desafio! 😉 O Brooklyn Blackout não me vão escapar! E desta vez vou ter tempo de sobra para o fazer (hope só, at least)!
      Um grande beijinho e obrigada por tudo!
      Ana

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s