Bolachas de Gengibre e a chegada do Natal

É quase Natal. A árvore já está feita assim como o presépio. Há renas, estrelas, árvores e coroas de Natal espalhadas pela casa. Com todo este espírito natalício a invadir as nossas vidas, começa também a apetecer fazer doces de Natal: filhós, broas doces, azevias… e bolachas, claro! 😀

IMG_9351

Não bolachas mais típicas do Natal que Bolachas de Gengibre! Sobretudo aquelas em forma de boneco. São tão adoráveis! Mas essas ficam para mais tarde, ainda há muitos dias até ao Natal para as fazer! 😉 Hoje é dia destas cookies de gengibre.

Eu sei que o gengibre não é muito consensual. Há que aqueles que odeiam e há aqueles que adoram!! 😉 Eu adoro, e só não utilizo mais vezes  porque, lá está, sei que não é bem do agrado de muita gente. Mas há nestas bolachas de gengibre um ingrediente que faz toda a diferença: a raspa da laranja. Não se esqueçam dela: o toque cítrico transforma estas bolachas em algo capaz de surpreender e convencer até os mais reticentes em relação ao gengibre.

IMG_9374

Quanto às bolachas em si, são crocantes por fora e suaves por dentro. E ficam com aquelas rachas, parecendo quase umas crinkles de gengibre. E, se forem aventureiros, podem ainda juntar umas pepitas de chocolate!  Aposto que assim ninguém lhes vai resistir! 🙂

Só umas notas finais: deve-se mesmo seguir a receita à risca, como sempre! A manteiga deve estar à temperatura ambiente para se conseguir bater, convém mesmo usar açúcar mascavado ou açúcar amarelo. A massa tem mesmo de repousar no frio para que seja possível formar as bolinhas e também para os sabores da canela e do gengibre se entranharem na massa. Quanto ao mel, não usei um com um sabor muito forte com medo de as bolachas ficarem um sabor demasiado pronunciado a mel. Quem tiver acesso a melaço pode sempre substituir.

IMG_9372IMG_9364

Bolachas de Gengibre
Preparação
  • 375 g de farinha
  • 1 c. de chá de bicarbonato de sódio
  • 2 c. de chá de gengibre em pó
  • 1½ c. de canela em pó
  • ¼ de c. de chá noz-moscada
  • ¼ de c. de chá de sal
  • 170 g de manteiga, à temperatura ambiente
  • 150 g de acúcar mascavado escuro ou açúcar amarelo
  • 100 g de mel
  • 1 ovo, à temperatura ambiente
  • Raspa de uma laranja
  • 2 c. de chá de extracto de baunilha
  • 67 g de açúcar
  • 100 g de pepitas de chocolate
Preparação
  1. Numa taça, misturar a farinha, o bicarbonato de sódio, o gengibre, a canela, a noz-moscada e o sal. Numa outra taça, bater a manteiga durante um minuto em velocidade média. Adicionar o açúcar mascavado até ficar fofo. Adicionar o mel, o ovo e a baunilha e a raspa de uma laranja. Bater muito bem.
  2. Lentamente, adicionar os ingredientes secos aos líquidos. Caso opte por usar, juntar parte das pepitas de chocolate e misturar cuidadosamente. Tapar a massa e por no frigorifico, pelo menos durante duas horas, sendo o ideal de um dia para o outro.
  3. Aquecer o forno a 175 °C. Forrar um tabuleiro com papel vegetal. Moldar a massa em bolas de aproximadamente 2,5 cm e espalmar um pouco. Enrolar em açúcar. Cozer durante 8 a 10 min (mais para os 8 minutos), até as bordas ficarem ligeiramente castanhas. Tirar do forno e colocar as pepitas imediatamente, pressionando ligeiramente as pepitas.
  4. Deixar arrefecer no tabuleiro durante dois minutos e depois transferir para uma grelha. Guardar num recipiente fechado até uma semana.
  • Faz cerca de 30 bolachas.

IMG_9356

Ana Fernandes ❤ ❤ ❤

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s